Pulseiras Masculinas: quantas e como usar?

 

Para quem ainda não se arriscou na primeira pulseira ou pra quem já tem, mas não se sente confortável em usar, a Arte ao Vento preparou uma série de dicas para descomplicar a sua vida!

Afinal, acessório é bom quando torna o universo mais pessoal, mais criativo, mais charmoso e versátil. E, não, usar pulseiras não precisa ser complicado!

Em dicas simples da série “Pulseiras Masculinas: descomplicando” vamos responder as perguntas mais comuns desse universo. Então, bora começar? 🙂

UMA OU MAIS PULSEIRAS?

Acredite: usar uma única pulseira é mais difícil do que usar duas!

Isso porque duas pulseiras harmonizam melhor do que uma, e é essa harmonia que traz mais segurança na hora de usar. O efeito é nítido no espelho, experimenta!
Agora, se estiver querendo sua primeira e não quiser investir em duas ou mais, escolha pulseiras com um volume maior. A nossa Pulseira Lastro foi pensada para ter esse efeito. Feita em uma mistura de vários cordões em diferentes materiais, ela é uma opção que fica bacana sozinha, mas que te dá a liberdade para fazer uma composição em outro momento. 

 

E RELÓGIO, COMO CONCILIAR?

Se você já é acostumado a usar relógio provavelmente será mais fácil usar pulseira. Nesse caso, se quiser usar o acessório no mesmo pulso do relógio, pulseiras finas são as melhores opções! Vale colocar mais de uma quando forem em pedras ou miçangas, por exemplo.

Seu relógio é muito grande? Sem problemas…

Experimente montar um conjunto de pulseiras com volume semelhante, e usar no pulso contrário. Vai ficar super charmoso!

Veja algumas opções de pulseiras que se adequam bem ao relógio!

Já tem uma ideia de como dar seu primeiro passo?
Então, dá uma olhadinha na nossa loja! E qualquer dúvida, fale com a gente! 😉

Até a próxima!!!

 

Por Mirian Moraes

Últimas do Blog

Pulseiras Masculinas: quantas e como usar?

  Para quem ainda não se arriscou na primeira pulseira ou pra quem já tem, mas não se sente confortável […]

Continue lendo

O que te faz bem? – Parte I

  Um dia tive que fazer uma escolha. Sabia que não era só mais uma, ela mudaria tudo que sabia […]

Continue lendo